• Blog da Neuf

Vestidos e suas diferenças: descubra alguns modelos com a Neuf !

Atualizado: Nov 17

Por Rafa Cotrim


Vem chegando o verão, e a gente só vai querendo usar as roupas mais fresquinhas. A peça da estação é o vestido! Feminino, leve, versátil, ele possui diversos modelos, transitando entre todos os estilos, silhuetas e agradando a boa parte público.

Mas e quando surge aquela dúvida: que modelo usar? Com o que combinar? Hoje a gente esclarece, pra você encontrar o modelo perfeito para você!


Conheça Alguns Modelos de Vestido


Eis um modelo que cai bem para todo mundo! O vestido transpassado valoriza a silhueta, pois afina a cintura, chama a atenção para o colo, e deixa o corpo fluido. Você pode utilizá-lo da praia ao escritório, tudo vai depender do tecido. Para os tecidos mais fluidos e leves, opte por rasteiras, sandálias e tênis para uma composição mais casual. Já para os tecidos mais encorpados prefira os scarpins e sandálias de tiras para um visual mais elegante e refinado. Mas lembre-se: ele pode harmonizar com o que você quiser!


Democrático, ele é perfeito para quem tem o quadril um pouco mais largo, pois harmoniza a silhueta. Ele pode ser curto, midi ou longo. É um modelo que também passeio pelas mais diversas ocasiões de acordo com a composição do look. Para um visual mais refinado e elegante, um comprimento midi e uma sandália podem ser as escolhas certeiras. Já para um momento mais casual e descontraído, algo mais curto com tênis ou rasteira, pode te garantir muito conforto sem perder a beleza!


Sinônimo de feminilidade e doçura. Esse modelo é mais indicado para quem quer criar a ilusão de um quadril um pouco maior, pois trará volume para essa região. É um modelo romântico, e casa muito bem com decote ombro a ombro.

Ainda que com uma sapatilha, ou até um belo tênis, esse modelo possa passear por momentos informais. Mas com boas sandálias, ele fica perfeito para ocasiões mais formais.


Clássico, atemporal e democrático. Ele é indicado para mulheres com silhueta ampulheta, por realçar naturalmente as curvas. Mais indicado para eventos noturnos, se optar por usá-lo no dia a dia é preciso cuidado para não errar a mão e criar ruídos de imagem. Para uma imagem mais sensual, opte por uma clássica sandália de tira e salto fino. Já se a ideia é transmitir certa elegância, um sapato mais fechado como o scarpin. Agora, se o ambiente permitir, ouse em um tênis, e crie um visual descolado e jovial.



Como o próprio nome diz, ele não possui curvas, e não realça a silhueta. Se optar por esse modelo, prefira os tecidos mais fluidos, para um momento mais casual e descontraído, que casam bem com rasteirinhas.


Sabe o vestidinho que parece uma camisola? É ele! Você pode usá-lo sozinho, ou fazendo uma sobreposição com camiseta, ou ainda com jaqueta e tênis. O slip dress, cria uma silhueta longilínea e pode ser uma boa opção para as mais baixinhas. Em tecidos acetinados, trará um toque de elegância ao look, com um pitada de ousadia.

SIGA-NOS

  • Whatsapp Neuf
  • Preto Ícone LinkedIn
  • Preto Ícone YouTube
  • Preto Ícone Instagram