Como organizar o guarda-roupas em 10 passos



Os dias estão cada vez mais corridos, focamos muito em trabalhos, entregas, família e esquecemos de nos cuidar e organizar nossa vida.


No guarda-roupa, por exemplo, não conseguimos mais encontrar aquela blusinha que tanto gostamos ou aquela calça que tinha guardado para usar em um momento especial.


Para te ajudar nessa dura tarefa de conseguir organizar seu guarda-roupa, separamos algumas dicas incríveis que vão te ajudar no caos que virou o lugar onde você deveria conhecer como a palma da sua mão.


Descarte o que não usa mais do seu guarda-roupas




Um dos maiores problemas do guarda-roupa é ter uma dona apegada.

Desapegar tem que ser uma palavra que levamos pra vida, inclusive quando se trata da arrumação do seu guarda-roupa.


É importante fazer um movimento anual para não acumular roupas que você não vai mais vestir ou não te servem mais.


No dia da arrumação, faça três pilhas:


  • Jogar fora (peças rasgadas ou muito velhas);


  • Doar (seu corpo passou por mudanças e você não vai mais utilizar aquela peça? doe!) e;


  • Manter (aquelas peças que voltarão para o guarda-roupas e você ainda vai usar bastante).


Identificar lugares no seu guarda-roupas



É importante você conseguir determinar e identificar os lugares em que está colocando cada tipo de roupa.


Assim, conseguirá achar mais fácil aquela peça que você quer e manterá a organização em dia.


Etiquetas de identificação



Um outro método que facilita na hora de colocar as coisas no devido lugar é a etiquetagem.


Ela auxilia também na hora de você ir direto naquela gaveta, pois sabe que aquela lingerie está lá.


Proteja peças delicadas


mulher protegendo roupas delicadas no guarda-roupas

As capas são essenciais e indispensáveis para proteger roupas de festa e outros tecidos mais finos.


As peças mais longas, se possível, tente guardar em locais no armário onde a barra do vestido, por exemplo, não fique dobrada.


Caso não seja possível, guarde-as dobradas no meio.


É importante colocá-las em uma parte do guarda-roupa onde não é muito utilizado, para evitar que fique mexendo nelas.


Siga as instruções do fabricante


instruções do fabricante em camisa verde

Essa é uma dica crucial que começa antes de guardar no seu closet. Muita gente não presta atenção e depois reclama da pouca durabilidade das peças.


Para que sua roupa preferida se mantenha intacta na medida do possível, é importante que você siga as instruções na hora de lavar, passar e até de guadar fornecidas pelo fabricante, porque cada tecido tem um tipo de regra.


Organizadores



Ainda pensando no melhor jeito de organizar suas peças, uma dica incrível são os organizadores como colméias e caixas.


Prateleiras altas



Sabe aquela peça que você não vai usar nem tão cedo, mas não quer jogar fora e nem doar?


Elas precisam ficar em prateleiras altas, em lugares “frios”, como dizem.


Mantenha apenas peças que utilizará mais vezes em lugares “quentes”, de fácil acesso.


Separe as roupas por tipo



Outro método que facilita muito a vida de quem quer procurar uma peça específica no guarda-roupas é separá-las por tipo.


Blusa com blusa, calça com calça, shorts com shorts e assim por diante.


Fica organizado e mais prático na hora de escolher.


Padronização de cabides


roupas com cabides padronizados

Além de colaborar com o visual do seu guarda-roupas, a padronização de cabides facilita na hora de encaixar no varão.


Algumas peças como casacos, é importante utilizar cabides específicos, mas vão conservar melhor o tecido da peça.


Limpe e higienize os sapatos


guarda-roupas com sapatos e camisas e botas organizado

O ideal é ter uma sapateira fora do guarda-roupas, mas se não for possível, deixe seu sapato pegar um ar antes de guardá-lo.


Na sequência, passe uma escovinha nas laterais, na parte de baixo e guarde depois.