top of page

A história da moda através do olhar de 10 estilistas. Vem ler!

Por Tiana Dorea


Após um rico ciclo de palestras pela Paris Style Week, fiz questão de dividir com vocês um pouco do aprendizado das aulas, trazendo para a nossa atualidade, peças que foram criadas lá atrás! Muito mais do que Moda, falar de alguns ícones do meio é falar de criações, de estilo, identidade e legado.



Muito do que usamos hoje teve origem lá no passado, com alguns grandes nomes do século XX. Imagino que vocês saibam que o famoso vestidinho preto foi uma criação da Gabrielle Chanel, e assim como ele, a inserção das calças como vestimenta para mulheres ou até mesmo a clássica combinação do Preto&Branco. Chanel tinha uma visão à frente do seu tempo e quebrou alguns padrões ao criar uma moda funcional, comercial, baseada nos valores do Feminismo.



De estilo oposto ao de Chanel, a irreverente Elsa Schiaparelli via a moda como arte, fantasia, diversão. Baseada no movimento artístico do Surrealismo, ela trazia o ar excêntrico às suas criações e algumas delas, estão presentes na nossa vida até hoje. É o caso da cor Rosa Shocking, a estampa de jornal ou até mesmo os efeitos de ilusão de ótica na vestimenta.



Christian Dior recuperou o glamour e o luxo no período pós-guerra. Sua grande criação foi o famoso “New Look”, o triunfo da feminilidade, enfatizando a cintura marcada e deixando para trás o racionamento de tecido, que antes era necessário. Outro legado seu, que vemos até hoje, é a apreciação do belo. Dior tinha admiração pelas rosas, pelos jardins, e as estampas florais representam essa beleza delicada.