Conheça os estilistas que estão revolucionando as grandes marcas de luxo

Por Ju Berman


O mundo da moda começou o mês de luto por conta da prematura morte de um dos maiores (novos) gênios da indústria fashion.


Como todo mundo que está nas redes sociais já deve saber, estou falando do grande @virgilabloh , diretor criativo da Louis Vuitton e criador da marca Off White, que morreu aos 41 anos, nesse domingo, depois de dois anos de uma luta sigilosa contra um tipo raro de câncer.


Para celebrar a criatividade dos grandes designers como Virgil, que tem revolucionado a indústria da moda e, especialmente, feito a diferença nas grandes maisons e marcas de luxo, fiz esse post com todo o carinho.


Nele, eu trago alguns dos nomes que estão por trás dessa renovação e efervescência fashion.


Claro que faltam muitos aqui, mas a ideia era escolher aqueles que mais tem se destacado nessa nova safra e em novos nomes.


Vamos a eles?

Matthew M. Williams - Givenchy



À frente das linhas masculinas e femininas da Givenchy há pouco mais de um ano, Matthew é norte-americano, mas foi criado na Califórnia, onde estudou arte por apenas um semestre, tem 35 anos de idade, fundador e diretor criativo da marca de streetwear de luxo 1017 ALYX 9SM. Chegou a ser finalista do Prêmio LVMH, em 2016. Matthew também é um dos colaboradores do projeto Moncler Genius.


Virgil Abloh - Louis Vuitton - In Memorian



Nascido em Rockford, no Illinois, EUA, ele se formou em Engenharia Civil e Arquitetura. Seu primeiro estágio na moda foi na Fendi, em 2009, ao lado do amigo Kanye West, com quem também era parceiro na agência de criação de conteúdo do rapper chamada Donda. Em 2013 inaugurou sua primeira casa de moda, a Off-White, onde chamou atenção do grupo LVMH, se tornando um dos nomes mais influentes da moda nos últimos anos. Em 2018, se tornou o primeiro estilista e o primeiro diretor criativo negro a ser contratado pela Louis Vuitton. No último domingo, Virgil morreu aos 41 anos em decorrência de um câncer.


Alessandro Michele - Gucci



Michele nasceu em Roma e já cresceu dentro da arte pois sua mãe amava cinema e seu pai amava esculturas. Estudou figurino na Rome’s Academy of Costume and Fashion e logo começou a trabalhar na Les Copain, indo para Fendi no final dos anos 90. Foi contratado por Tom Ford para desenvolver bolsas para Gucci em 2002, onde trabalha desde então, ganhando ainda mais espaço quando Frida Giannini assumiu a maison em 2011. Atualmente, Alessandro Michele é o diretor criativo esponsável por todas as coleções da Gucci e sua sensibilidade contemporânea já é apreciada no mundo da moda.



Daniel Lee - Bottega Veneta



Responsável pelo renascimento da casa de moda italiana de luxo Bottega Veneta de 2018 a 2021, Daniel nasceu em Bradford, Inglaterra, e se formou na Central Saint Martins College of Art and Design, onde teve aulas com Louise Wilson. Estagiou na Balenciaga, mas foi na Donna Karan, em Nova York, que conseguiu seu primeiro emprego oficial na área. Em 2018, foi nomeado como diretor criativo da Bottega Veneta, dando energia e nova vida à marca. Durante a permanência de Daniel na direção, eles se tornaram uma das marcas mais lucrativas do grupo Kering, atrás apenas de Gucci, Saint Laurent e Balenciaga. Em novembro deste ano, Kering anunciou que Daniel deixou a Bottega Veneta.


Pierpaolo Piccioli - Valentino



Piccioli estudou no Rome’s Istituto Europeo di Design. Conheceu sua fiel escudeira, Maria Grazia Chiuri, através de um amigo no início dos anos 80, e logo começaram a trabalhar juntos no departamento de acessórios da Fendi. Em 1999, foram trabalhar na Valentino como designers de acessórios, renovando as coleções de bolsas e óculos da marca. Alguns anos depois, em 2008, foram nomeados co-diretores criativos, recebendo um Prêmio Internacional CFDA posteriormente. Em julho de 2016, Piccioli se tornou o único diretor criativo de Valentino.


Virginie Viard - Chanel



Virginie nasceu em Ruão, região da Normandia, no noroeste francês. Desde pequena tinha uma relação bem próxima com o universo das roupas e acessórios porque seus avós eram fabricantes de seda, também por isso foi estudar moda em Lyon. Começou sua carreira como assistente da consagrada figurinista Dominique Borg. Em 1987 começou a trabalhar como estagiária de bordado de alta costura da Chanel e aos poucos foi virando o braço-direito de Karl Lagerfeld. Depois da morte do designer, ela virou diretora artística de coleções de moda, incluindo alta costura e acessórios da Chanel. É a primeira estilista no comando de uma casa de luxo desde sua fundadora, Gabrielle Chanel.


Kim Jones - Fendi



Kim se formou na renomada Central Saint Martins, em Londres, onde lançou sua coleção como colação de grau, sendo toda comprada por John Galliano. Sua marca homônima foi lançada no London Fashion Week 2003, sendo aclamada pelo estilo original inspirada no streetwear. Jones também trabalhou como diretor de arte e estilista nas revistas Dazed & Confused, Pop, Fantastic Man e T: The New York Times Style Magazine. Em janeiro de 2021, foi anunciado como diretor artístico de moda feminina da Fendi, levando sua sensibilidade e seu olhar vanguardista e pessoal pra a tradicional casa Fendi.


Demna Gvasalia - Balenciaga



Gvasalia nasceu na Geórgia, fugiu aos 12 anos e foi morar em Düsseldorf, onde estudou na Antwerp’s Royal Academy of Fine Arts, se formando em Design de Moda. Fundou a marca Vetements com seu irmão e mais uns amigos em 2013, com o propósito de subverter a moda. A primeira coleção feminina da marca foi apresentada no Paris Fashion Week 2014, sendo nomeado para o Prêmio de Jovem Designer de Moda da LVMH após a produção de 3 coleções. Em 2015, tornou- se diretor artístico da Balenciaga. 4 anos depois, Gvasalia deixou a Vetements para buscar novos empreendimentos artísticos, tendo cumprido seus objetivos com a empresa.


Anthony Vaccarello - YSL



Filho de pais italianos, Anthony nasceu em Bruxelas, Bélgica. Tentou cursar direito, mas acabou abandonando ainda no primeiro ano. Se matriculou na La Cambre em 2000, para estudar escultura e acabou se interessando pela construção de vestuário através do trabalho de Rei Kawakubo. Em 2006, ficou em primeiro lugar no Festival Internacional de Moda e Fotografia em Hyères, despertando a atenção de Karl Lagerfeld, que lhe ofereceu um cargo de projetista para a linha de peles da Fendi. Dois anos depois lançou sua própria marca. Colaborou com a Versus em 2014, momento em que a marca dobrou o número de vendas. Atualmente na Yves Saint Laurent, Anthony é responsável pelas linhas de moda feminina e masculina da marca.

Posts recentes

Ver tudo
blog de moda e estilo

Blog de Moda

A Consultoria de Imagem é um espaço democrático e de infinitas possibilidades. Por isso, aqui na Neuf a gente valoriza todas as etapas do processo: desde o primeiro contato até a execução do serviço com excelência e, ainda, a criação de uma rede de troca de informações que vai te ajudar a tirar o melhor proveito da sua consultoria no nosso Blog de Moda.

E, por isso, a gente criou o Blog da Neuf, um blog de moda onde nossas consultoras dividem dicas, ensinamentos e muito conteúdo sobre todo o universo da consultoria de imagem. No nosso arquivo de posts, vocês podem encontrar textos sobre cores, tecidos, formas, tendências, produtos, estilo, moda, maquiagem, beleza, decoração e muito, muito mais. Vem navegar no nosso blog e desenvolver ainda mais a sua melhor versão!

Posts Mais Lidos

blog de moda e estilo
blog de moda e estilo
blog de moda e estilo
blog de moda e estilo
blog de moda e estilo